segunda-feira, 28 de julho de 2014

Crianças como escudos humanos na Síria.


Rubens Silva
Crianças como escudos humanos na Síria.
O conflito na Síria também continua causando tanto sofrimento quanto em Gaza. Quatro postos de fronteira a partir de Turquia, Iraque e Jordânia já estão nas mãos de rebeldes, que sufocam o regime do ditador Bashar al-Assad.
3,1 milhões de crianças necessitam de ajuda humanitária e muitas estão sendo utilizadas como escudos humanos. Há mais de 2,3 milhões de refugiados sírios nos países vizinhos enquanto 400 mil palestinos estão refugiados lá.

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Viaduto da Barros Junior volta a ser interditado neste domingo


Por: ASCOM Fotos: Charles Souza
Viaduto da Barros Junior volta a ser interditado neste domingo
Os motoristas que passarem pelo Centro de Nova Iguaçu devem ficar atentos, pois neste domingo, dia 27, o Viaduto da Rua Barros Júnior estará novamente interditado, das 7h às 18h. A operação que teve início na semana passada (20), contará mais uma vez com 50 agentes da prefeitura que se mobilizarão na atividade, que está dando início nas obras de duplicação do viaduto.

Quem vier dos bairros Esplanada, Miguel Couto, Rancho Novo e adjacências deverá usar como alternativa a Avenida Pensilvânia, Rua Baltimore, Via Dutra, sentido Rio-São Paulo, entrar no Viaduto da Posse e seguir pela Avenida Roberto Silveira, em sentido Centro de Nova Iguaçu, e Rua Professor Heleno Fragoso, em direção à Dutra.

Já os que vierem do Centro de Nova Iguaçu, com destino à Estrada de Iguaçu, devem optar pela Via Dutra, sentido Rio de Janeiro, e fazer o contorno na passagem subterrânea da Jacutinga (Posto 13), retornando à Dutra, até a entrada do bairro Rancho Novo. A outra alternativa é acessar o viaduto da Posse.

O fim dos transtornos
A interrupção nos dois acessos vai permitir os preparativos para o início das obras de duplicação do viaduto, com previsão de conclusão para dezembro de 2015. O projeto, avaliado em R$ 28,09 milhões, terá duas pistas de rolamento, ciclovia e faixa isolada para pedestre com mureta de proteção (guard rail). O entorno vai ganhar ainda área urbanizada, com a criação de 6 mil metros quadrados de área verde.

ARRAIÁ BENEFICENTE NA CASA DO MENOR

Leandro Monteiro
ARRAIÁ BENEFICENTE NA CASA DO MENOR
Renato Chiera, italiano de 72 anos, é conhecido pelo trabalho de resgate de crianças e adolescentes das ruas na Baixada. O padre, fundador da Casa do Menor São Miguel Arcanjo, em Nova Iguaçu, reconhecida pelo trabalho pioneiro de Acolhimento Institucional, Desenvolvimento Comunitário e de Profissionalização e Inserção no Mercado de Trabalho. Há dois anos, Pe. Renato Chiera decidiu abrir uma nova frente de luta: o resgate dos dependentes de crack. “Não é o crack que mata, mas sim a falta de amor e de oportunidades”, sintetiza.

No dia  26 de Julho de 2014, às 18 horas, acontecerá o ARRAIÁ DO COMPADRE CHIERA, festa em comemoração aos 72 anos do Padre Renato Chiera. O evento contará com barracas típicas, Rifa de uma bicicleta, Competição de Quadrilhas Juninas, Duelo do Passinho e Companhia Ru’art. Local: Paróquia São Miguel Arcanjo localizada na Rua São Pedro nº 74 – Miguel Couto, Nova Iguaçu.

 OBSERVAÇÃO: É importante frisar que todo valor arrecadado na venda das barras será destinado para a compra de colchões, chinelos e fraldas geriátricas para as crianças e adolescentes acolhidos pela Casa do Menor São Miguel Arcanjo.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Nova Iguaçu realiza batismo coletivo no sábado

Por: ASCOM Foto: Divulgação
Nova Iguaçu realiza batismo coletivo no sábado
 Cerca de 500 fiéis de diferentes denominações religiosas são esperados no Centro da Cerâmica, na Rua Geni Saraiva, nas proximidades do mercado Cosme, no próximo sábado, para um batismo coletivo. O evento será realizado em praça pública, às 19 horas, e é uma iniciativa de quatro pastores evangélicos e tem o apoio da Prefeitura de Nova Iguaçu e de igrejas locais.

A programação tem como tema “Eu faço parte dos 500”. Piscinas de plástico serão colocadas na rua para celebração dos batismos nas águas, símbolo que marca a nova fase na vida do cristão, onde é identificada a morte do velho homem, e o nascimento de um novo homem, segundo os religiosos.

Para um dos idealizadores do ato profético, Augusto de Souza, apóstolo do Ministério Agnus Dei, a proposta é que as igrejas andem em unidade em prol do crescimento do Reino de Deus. Também organizam o evento os pastores Paulo Henrique 100% Jesus, Márcio Valente, Mário Lopes, todos da Cerâmica.

Cada pessoa pode ainda ter o seu batismo realizado por um pastor da sua escolha. Os interessados em se batizar deverão entrar em contato através do telefone: 2764-8762.

Nova Iguaçu melhora trânsito na Bernardino de Melo

Port: ASCOM: Fotos: Thiago Loureiro
Nova Iguaçu melhora trânsito na Bernardino de Melo
 O tumultuado, congestionado e caótico trânsito de veículos em frente à estação ferroviária do centro de Nova Iguaçu, à Rua Bernardino de Melo, já começou a melhorar. Agentes de trânsito da Prefeitura estão desde ontem organizando o fluxo no local com o objetivo de aumentar a velocidade de tráfego numa das ruas que mais sofre de falta de mobilidade na área central de Nova Iguaçu.
Durante a operação de revitalização de trânsito naquela área, cerca de sete agentes supervisionados pelo Diretor de Fiscalização e Vistoria, Marcos Fonseca e do Diretor de Fiscalização de Transporte, Marcio Alves, organizaram o fluxo. Segundo a comerciante Ana Paula Oliveira, é intenso o movimento de carros naquele trecho da Bernardino de Melo.  Ela, que trabalha em frente à estação há seis anos, destaca que a presença dos agentes faz toda diferença. "O trânsito só anda quando eles estão aqui. Fico muito satisfeita com o trabalho deles. Já fiquei duas horas do túnel para chegar à passarela do caracol de carro, sei como é complicado", comenta  Ana Paula.
Para o Secretário de Trânsito, Rubens Borborema, a medida é muito importante. “Estamos organizando este ponto para que as duas faixas fiquem liberadas. Agora o trânsito na Bernardino vai melhorar bastante”, afirma Borborema.
Para manter o tráfego fluindo, agentes da Prefeitura estão trabalhando em dois turnos. Na parte da manhã, de 8h às 10h, e de tarde, de 16h às 18h30. Em seguida, serão encaminhados para Rua Doutor Thibau com Bernardino de Melo, onde permanecerão no local até o tráfego melhorar.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Prefeitura de Nova Iguaçu proíbe tráfego de veículo pesado na Estrada de Madureira




Por:Ascom Foto: arquivo
Prefeitura de Nova Iguaçu proíbe tráfego de veículo pesado na Estrada de Madureira
Veículos com peso bruto total acima de 11 toneladas estão definitivamente proibidos de circular e realizar operações de carga e descarga, em qualquer horário e dia da semana, inclusive aos domingos, ao longo do corredor viário da Avenida Abílio Augusto Távora (antiga Estrada de Madureira), entre o km 32 e o Centro de Nova Iguaçu.

         A medida faz parte da Portaria nº 154/2014, da Secretaria Municipal de Transporte, Trânsito e Mobilidade Urbana, publicada na edição desta terça-feira (22), no Diário Oficial da Prefeitura da Cidade de Nova Iguaçu.

Os motoristas infratores estarão incursos no Artigo 187 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), com a perda de 4 pontos na Carteira de Habilitação e pagamento de multa de R$ 83,12. Poderão ter o veículo rebocado para o Depósito Municipal se insistirem em desrespeitar a nova Portaria.

         O secretário de Trânsito, Rubens Borborema, explicou que a medida tem como objetivo garantir a fluidez do trânsito e a preservação do asfalto da pista de rolamento naquela região.

 “Além de funcionar em pista de mão dupla, sem dispor de acostamento, Avenida Abílio Augusto Távora apresenta em toda sua extensão diversos empreendimentos que desenvolvem atividades relacionadas ao tráfego e operações de carga e descarga, envolvendo, na sua grande maioria, veículos de grande porte. Isso acaba dificultando a fluidez do trânsito e até mesmo o seu bloqueio parcial”, explicou.

Borborema deu como exemplo, a circulação diária de dezenas de caminhões e carretas da Ambev, a maior cervejaria do País.
 “É uma empresa que usa veículos pesados para abastecer bares, restaurantes, mercados etc, não só danificando a pista de rolamento, já saturada, como também provocando congestionamentos no trânsito e transtornos à circulação de pessoas. Ou seja, são caminhões enormes, de empresas que usam o solo público de Nova Iguaçu para ganhar dinheiro, sem uma contrapartida social e tampouco qualquer tipo de investimento na cidade”, disse.

Ainda na avaliação do secretário, a Ambev e outras empresas que utilizam veículos pesados de carga, utilizam logradouros públicos da cidade, passando inclusive pelo Centro de Nova Iguaçu, para acessar outras regiões da Baixada Fluminense, como Nilópolis, Mesquita e São João de Meriti.

“O ideal é que essas empresas usem caminhões menores para evitar transtornos na fluidez do trânsito. Devem, além disso, optar pela Via Dutra para chegar ao Centro de Nova Iguaçu e de outras cidades vizinhas”, sugeriu Borborema.

Segundo ainda o secretário de Trânsito, a operação desta terça-feira (22) teve cunho apenas educativo. “Abordamos mais de 30 motoristas, para orientá-los sobre a medida em vigor. Mas, a partir de amanhã (hoje), vamos autuar os infratores na forma da lei”, anunciou Borboborema.

Nova Saúde Iguaçu: mulheres em tratamento contra o câncer de mama participam do 'Arraiá das Poderosas'


Por: Raphael Bittencourt Foto: Everton Barsan
Nova Saúde Iguaçu: mulheres em tratamento contra o câncer de mama participam do 'Arraiá das Poderosas'
O sábado (19) foi de muita alegria para cerca de 70 mulheres em tratamento  contra o câncer de mama que fazem fisioterapia oncológica na Policlínica Dom Walmor, no Centro de Nova Iguaçu. Elas participaram da terceira edição do ‘Arraiá das Poderosas”, festa organizada pelas fisioterapeutas da unidade, Clarice Silva de Santana e Juliana de Moares Bastos, com o intuito de promover a socialização e ajudar a aumentar a autoestima de quem luta ou já lutou para vencer a doença.
“Este é o grande objetivo do evento. Ele é batizado como “Arraiá das Poderosas”, pois é o que estas mulheres são. É preciso ter muita determinação e força de vontade para superar uma doença como esta”, afirma Clarice.

Uma das mais animadas do arraiá era Aline Almeida, 33 anos. Equilibrista formada na Escola Nacional de Circo em dezembro de 2011, ela descobriu que tinha câncer de mama dois meses depois. Imediatamente, Aline deu início ao tratamento de radioterapia e quimioterapia e precisou passar por uma cirurgia para a remoção dos nódulos da mama e da axila direita. Segundo ela, as técnicas aprendidas no circo foram fundamentais para enfrentar o câncer.

“O circo me ajudou muito, pois trabalha nossa coragem e os desafios. Se fazemos isso durante os exercícios, por quê não pôr isto em prática no dia a dia?”, diz Aline.

Apesar da determinação para vencer a doença, ela conta que temeu não poder mais voltar a trabalhar com o que gosta. “Depois do tratamento, achei que não fosse mais subir em uma perna de pau. Tirei os nódulos da axila direita e mal podia mexer o braço. Fiz fisioterapia na Policlínica Dom Walmor durante um ano e fiquei muito satisfeita com o atendimento. As meninas são muito dedicadas e atendem todas as pacientes como se fossem membro da família delas”, revela a equilibrista.

Aline teve alta supervisionada em dezembro e comparece à policlínica a cada três meses para fazer reavaliações. Ela pretende, até o final do ano, fazer uma cirurgia de reconstrução da mama. Vencida a doença, hoje ela trabalha como arte educadora do Circo Baixada, um projeto social que funciona em Queimados.

“Quando assumimos esta gestão, o único setor que encontramos funcionando adequadamente em toda a secretaria foi o de fisioterapia oncológica, desde então, o serviço já foi ampliado, mas essas profissionais têm todo o meu respeito por realizarem um trabalho de excelência em nosso município”, disse o secretário municipal de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Júnior.

A festa foi realizada no Espaço Missões, no bairro Ponto Chic, e contou com a participação não só das pacientes da policlínica, mas também de parentes que puderam participar das típicas brincadeiras das festas caipiras ao som de muito forró. Além das tradicionais comidas da época, como canjica, os convidados puderam saborear hambúrgueres e batatas fritas distribuídas gratuitamente pelo Mc Donald’s.