Páginas

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

COMISSÕES VÃO ALTERAR PROJETO SOBRE TAXA PARA ATUAÇÃO DA PM EM EVENTOS

 Por: Buanna / Foto: Rosa Rafael Wallace
COMISSÕES VÃO ALTERAR PROJETO SOBRE TAXA PARA ATUAÇÃO DA PM EM EVENTOS
  As comissões de Economia, Segurança Pública e Tributação da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) vão apresentar um substitutivo ao projeto de lei 2.014/16, de autoria do deputado Rosenverg Reis (PMDB), que prevê cobrança de taxa preventiva de segurança em eventos culturais, artísticos e esportivos. A proposta foi apresentada, nesta terça-feira (06/02), após os integrantes das comissões ouvirem as explanações das Polícias Militar e Civil, da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), da Secretaria de Estado de Segurança e da Procuradoria.
  Segundo o presidente da Comissão de Tributação da Casa, deputado Luiz Paulo (PSDB), o projeto, que já foi analisado em 1ª discussão e recebeu 42 emendas, terá que ser modificado. Entre as alterações, o parlamentar sugere que o organizador tenha o direto de contratar segurança pública ou privada para o evento.
 "Essa foi uma das minhas sugestões. Até o final desse mês, os órgãos que participaram da reunião vão mandar contribuições escritas para o aperfeiçoamento do projeto e caberá a nós prepararmos um substitutivo compreendendo todas as emendas e sugestões", afirmou Luiz Paulo.
  Também presentes na audiência pública, a presidente da Comissão de Segurança, deputada Martha Rocha (PDT) e o presidente da comissão de Economia, deputado Waldeck Carneiro (PT), enfatizaram a necessidade do substitutivo ao texto original.

Valores cobrados
  Caso aprovada, a chamada Taxa de Segurança Preventiva irá variar de acordo com as horas trabalhadas pelos agentes. O valor deverá ser pago à Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) e repassado para a PM. Por oito horas de evento, por exemplo, serão cobradas cerca de 49 UFIR-RJ, aproximadamente R$ 150.

Partidas de futebol
  O comandante do Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe), major Silvio Luiz Pekly, utilizou como exemplo a final da Copa Sul Americana, no Maracanã, entre o Flamengo e o Independiente, clube argentino.
  "Foram utilizados 350 policiais dentro do estádio. Caso a lei já estivesse sendo aplicada, o Flamengo teria que pagar R$ 52.500 pelo serviço da Polícia Militar. Vale lembrar que a renda daquela partida foi de R$ 7 milhões", argumentou o major.
  Silvio informou que no ano passado o Gepe atuou em 155 jogos e conta, atualmente, com um efetivo de 110 policiais. "Trabalhamos com um déficit de agentes e acabamos contando muito com o apoio dos batalhões, que precisam deslocar polícias e deixar a região com menos policiamento durante o evento. Com a lei isso não ocorreria. Contaríamos com um efetivo extra de policiais que estivessem de folga", concluiu.


********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas

OPERADORAS DE TV POR ASSINATURA E INTERNET DEVERÃO TER LOJAS FÍSICAS NAS CIDADES EM QUE ATUAM

Por: Gustavo Natario / Fotografia LG Soares
OPERADORAS DE TV POR ASSINATURA E INTERNET DEVERÃO TER LOJAS FÍSICAS NAS CIDADES EM QUE ATUAM
  A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, nesta terça-feira (06/02), em segunda discussão, o projeto de lei 1.040/15, do deputado Flávio Bolsonaro (PSC), que obriga as operadoras de TV por assinatura e internet a terem lojas físicas ou escritórios nas cidades em que atuam para atender os consumidores. A norma vale para municípios com mais de 50 mil habitantes. O texto segue para o governador Luiz Fernando Pezão que tem até 15 dias úteis para sancionar ou vetar.
  O objetivo é que os clientes tenham fácil acesso aos serviços oferecidos por essas empresas, principalmente em relação à manutenção de equipamentos. Os endereços e telefones das lojas e escritórios deverão ser divulgados nos sites das operadoras, nos contratos de prestação de serviço e nas faturas mensais enviadas aos consumidores. As empresas terão um prazo de 180 dias para se adequarem à norma.
  “Mesmo o direito do consumidor tendo avançado muito nos últimos anos, os consumidores ainda não são bem tratados no Brasil e normalmente são submetidos a intermináveis esperas nos serviços de atendimento telefônico das operadoras de TV por assinatura e internet. É importante que essas empresas tenham postos físicos, com atendimento presencial às demandas dos clientes, como já ocorre com as operadoras de telefonia fixa e móvel”, justificou Bolsonaro.


********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas

quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Crivella, Pezão, TV Globo e violência estão acabando com o Carnaval Carioca !

Por: Repórter Fernando Del Castillo
Crivella, Pezão, TV Globo e violência estão acabando com o Carnaval Carioca !
  Na quarta-feira de cinzas, posso dizer que o prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella; o governador Luiz Fernando Pezão, o sistema Globo de televisão e toda violência do nosso Estado do Rio de Janeiro, estão acabando com o carnaval, principalmente na cidade carioca. Neste período em que os hotéis estão lotados de turistas, colocando dólares na nossa economia, Crivella, viajou para Europa ! - Pezão, foi para Piraí, se entupir de cerveja e torresmo ! - A Globo manipulando e não deixando outras emissoras de TV, transmitir o carnaval no Sambódromo e outros grupos na Intendente Magalhães. Sobre violência, não preciso falar aqui, você vê todos os dias na TV. / O carnaval medíocre que eu vi na Intendente Magalhães (FOTO), com escolas sem recursos nos grupos B, C e D, dava pena assistir, segundo os próprios membros das escolas de samba. 

********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

TopShopping abrirá em horário especial no Carnaval

Por: Aline Oliveira
TopShopping abrirá em horário especial no Carnaval
DIA 10/02/2018 (SÁBADO):
Praça de alimentação, lazer, lojas, quiosques e estandes: das 10h às 22h.
Bancos: fechados.
Cinema: horário normal, das 13h às 22h.

DIA 11/02/2018 (DOMINGO):
Praça de alimentação e lazer: das 12h às 21h.
Lojas, quiosques e estandes: das 15h às 21h. (ABERTURA OPCIONAL)
Cinema: horário normal, das 13h às 22h.

DIA 12/02/2018 (SEGUNDA-FEIRA):
Praça de alimentação e lazer: das 12h às 21h.
Lojas, quiosques e estandes: das 15h às 21h. (ABERTURA OPCIONAL)
Bancos: fechados.
Cinema: horário normal, das 13h às 22h.

DIA 13/02/2018 (TERÇA-FEIRA) - FERIADO:
Praça de alimentação e lazer: das 12h às 22h.
Lojas, quiosques e estandes: fechados.
Bancos: fechados.
Cinema: horário normal, das 13h às 22h.

DIA 14/02/2018 (QUARTA-FEIRA):
Praça de alimentação, lazer, lojas, quiosques e estandes: das 12h às 22h. 
Cinema: horário normal: das 13h às 22h.
Bancos: das 12h às 16h.
O TopShopping está localizado na Av. Governador Roberto Silveira 540, Centro – Nova Iguaçu. Telefone: (21) 2667-1787.


********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Centro do Rio Antigo terá programação especial para os foliões no Carnaval

Por: Alex Ferraz
Centro do Rio Antigo terá programação especial para os foliões no Carnaval
   Na região do Centro do Rio Antigo – uma das mais boemias da cidade - a expectativa é de que haja um aumento de 40% no fluxo de visitantes durante o carnaval, segundo o Polo Novo Rio Antigo. Um dos destaques da programação na região é o desfile que marcará o centenário do Cordão do Bola Preta, no sábado de carnaval, sob o comando do maestro Altamiro Gonçalves e a presença de Leandra Leal, Maria Rita, Neguinho da Beija-Flor e João Roberto Kelly. O desfile acontece na Avenida Antônio Carlos, a partir das 7h.
  Também no sábado de carnaval, o bloco Carioca da Gema faz sua concentração em frente à Fundição Progresso (Rua dos Arcos, 24) a partir das 16h. O bloco reúne 120 ritmistas, 15 instrumentistas e 3 cantores.
   Para quem gosta de bailes de carnaval, as casas da região também vão oferecer animados bailes, como o Rio Scenarium, o Carioca da Gema e o Circo Voador. O Lapa 40°, na Rua Riachuelo, recebe a bateria da Mangueira no sábado, dia 10. Além disso, a partir das 12h feijoada com a presença de Carlinho de Jesus.
   Outro destaque na região durante o carnaval é a Lavradio Jazz Fest, entre os dias 10 e 13.  Enquanto a cidade ferve com as marchinhas e os sambas de enredo, o clima de Nova Orleans toma conta da rua com 4 dias de shows gratuitos. O evento acontece sempre a partir das 13h e receberá bandas de jazz, como o All That Jazz, Quinteto Nuclear, Monte Alegre Hot Jazz Band e Orleans Original Jazz, entre outros.
   “O Centro do Rio Antigo é uma região do Rio que tem tradição de carnaval, sendo destino certo dos foliões da madrugada, já que é um dos poucos pontos da cidade que funciona em ciclos de quase 24 horas”, comenta o presidente do Polo Novo Rio Antigo, Thiago Cesário Alvim.
   Segundo a Associação de Hotéis do Rio (ABIH-RJ), a região tem opções de hospedagens até 30% mais baratas que a Zona Sul. A ocupação na área está em cerca de 65%, mas a expectativa é de chegar a 85% na média geral da cidade.

********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

O Perigo ‘mora’ encima da ponte em Tinguá



Por: Wandemberg
O Perigo ‘mora’ encima da ponte em Tinguá 
   É sempre assim, depois que a tragédia enunciada acontece de fato, ninguém, absolutamente ninguém, assume responsabilidade, tendo início aí, por parte daqueles que poderiam ter feito algo para evitar um incidente ou acidente e não o fizeram o ‘famoso’ processo de ‘tirar o corpo fora’. 
       Em Tinguá, por exemplo, bem no centro do bairro, para ser mais preciso na ponte sobre o rio que, se não me engano, leva o nome do bairro - Rio Tinguá -  o perigo de uma criança, ou até mesmo um adulto, cair de uma altura de cerca de 5 metros é eminente. Ocorre  que as grades da amureta de proteção da ponte sobre o Rio, em ambos os lados, já há algum tempo, estão seriamente avariadas. O pior é que não aparece ninguém da Prefeitura para tomar às devidas providencias. 
     VISTA GROSSA
    E o Prefeito vai fazer vista grossa ou dar a desculpa que não sabia? Será que o ‘jeito de fazer direito’ ficou lá pra trás na campanha que o elegeu?
 O fato é que não há tempo a perder, posto que, se trata de sério ‘risco de vida’! Diante do risco, mesmo que a Prefeitura não tivesse recurso para fazer a obra necessária, deveria ter remediado com um paliativo: uma tela, talvez ...  o que não pode é ficar como está. Onde anda a CODENI, os Vereadores, que pediram votos na região, ou os que fizeram oposição? Todos, indistintamente são responsáveis.  E não me venham dizer que vereador não é para fazer obra, ou que a obra é do estado ou da União, que aí, me desculpem, mas eu vou ter que enviar uma ‘cangalha’ para o ‘mentecapto’ autor da ‘tirada’!  


********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas

Vereador Marcelo da Laje indica obras de manutenção para Miguel Couto

Por: Wandemberg
Vereador Marcelo da Laje indica obras de manutenção para Miguel Couto
  É comum ouvirmos 'vaticínios', do gênero que se segue, sobre função e atuação dos vereadores em seus municípios: "Vereador é para criar leis e fiscalizar o governo municipal"! Certo? Até certo ponto sim, mas isso não quer dizer que ele não possa estar presente durante a realização de uma obra por ele indicada. Acho até que, toda vez que um Vereador solicite à Prefeitura a realização de uma obra ele deva estar presente, inclusive, na condição de fiscal. É da mesma forma importante sua presença para que os eleitores vejam de quem partiu a ideia inicial da obra, para que na hora de votar o povo possa ter condição de avaliar e separar o "joio do trigo". 
   Essa semana ao ouvir barulho intermitente na rua em que moro, fui ao portão para ver o que estava acontecendo. Deparei-me com veículos e funcionários da Prefeitura ajeitando o trecho asfáltico(obra de manutenção)que encontrava-se avariado. Lá estava de 'plantão', sem terno e gravata, trajando bermuda, chinelo de dedos e camisa do 'Mengão' - Marcelo Laje, vereador que legisla aqui na Câmara Municipal de Nova Iguaçu. De pronto peguei minha 'canon' e pus-me a registrar o acontecimento com o objetivo de dar crédito a quem estava cumprindo, a meu ver, sua função de vereador e justificando, assim, o salário que nós o pagamos! Como não sou "Cabo Eleitoral de nenhum representante do povo, a não ser de Bolsonaro (ele nem sabe disso), fosse qual fosse o vereador, fiquem certos, eu teria o mesmo procedimento! 


********************************************************************************
Tecnologia de Ponta
Para ler o 1º jornal On Line da Baixada Fluminense, siga a faixa laranja à direita, até o topo, e, clique na capa miniatura. Aguarde uns segundos, e, após abri-la, para aumentar a dimensão, use o 'mause' numa bolinha sobre linha horizontal, fazendo com que corra para a direita . Depois é só correr o mause nos quadrantes das páginas. Para mudar de página clique nas setas ao lado das páginas